fevereiro 29, 2012

VIETNAMESE VASES

Na saga em busca do vaso perfeito para a minha futura varanda descobri uma nova paixão!! Os Vasos Vietnamitas!!!

Adoro o acabamento vitrificado e principalmente as cores. O Vietnã, assim como a China, tem tradição milenar na produção das ceramicas... 

Porém os Vietnamitas são diferenciados devido às características muito peculiares da argila que é extraída para a fabricação dos vasos. Além disso a produção, ainda que em grande escala, é basicamente artesanal.

O processo de coloração é bastante complexo já que o pigmento é queimado juntamente com o vaso no processo de fabricação! Por essa razão, as tonalidades e degradês são únicos, cheios de personalidade... dando um acabamento vitrificado esmaltado!

Vamos às imagens:





Os meus preferidos:







Ambientados:








Os vasos originais importados são bem carinhos! Mas até acho um preço justo pelo trabalho artesanal e pela importação de tão longe...

Andei vendo que existem algumas empresas brasileiras que fazem réplicas bem parecidas com os originais... vai do bolso de cada um né?!? Mas que são lindos e que fazem uma baita diferença no paisagismo isso faz!!

ótimo dia 29 de fevereiro a todos!


Daniela Prieto

Research:

fevereiro 24, 2012

RIO DE JANEIRO continua Lindo!!

Recebi essa foto de uma colega, Michelle Camargo, com o consentimento dela não pude deixar de postar aqui... uma imagem aérea antes do pouso no Santos Dumont.

Ela conseguiu captar todos os principais pontos turístico em uma única foto: Cristo, Lagoa, Morro 2 irmãos, Pedra Gávea, Leblon, Ipanema, Copacabana,Botafogo, Aterro e Pão de Açucar! 

Para mim esta cidade é fascinante e mesmo com todos os problemas sociais, que aliás existem por todo país, ela ainda assim continua ABENÇOADA POR DEUS E BONITA POR NATUREZA!!!


ótimo fim de semana!


Daniela Prieto


fevereiro 23, 2012

NAS ALTURAS, São Sebastião -SP

Esse refúgio em meio à Mata Atlantica localizado em uma ilha fluvial em São Sebastião, litoral Norte de São Paulo. 

Projeto de George Mills, teve como partido principal a elevação da construção na altura das copas das árvores.

Esse afastamento da construção do solo proporciona diversas vantagens à construção e ao meio em que ela está implantada. 

Vamos às imagens:


 
 - Menor intervenção ao meio natural;


 - A construção não impede a circulação dos animais locais;



 - Maior área permeável;


 - Prioriza a ventilação natural e se afasta da umidade do solo;



 - Prioriza a vista;


 - Caixilhos e assoalhos foram executados com madeira de demolição;



 - Terraço a 9 metros do solo em meio ao verde da Mata;



 Planta do pavimento principal


Planta do Terraço

Research: http://casaeimoveis.uol.com.br/


O sistema construtivo escolhido foi o concreto moldado in loco devido a dificuldade de acesso, por proporcionar menor intervenção ao meio ambiente e maior conforto térmico. 

A estrutura metálica por exemplo iria precisar de guindastes para içamento. A estrutura de madeira provavelmente não iria oferecer resistência à umidade da Mata Atlantica.

Foram utilizadas formas de papelão tipo Dimibu para concretagem dos pilares.  Estes possuem embutidos a tubulação de água pluvial e esgoto.

Destaque da Bienal de Arquitetura de 2011, este é mais um lindo exemplo de Bioarquitetura, que respeita acima de tudo, o Meio Ambiente.

Esta belezura demorou 1 ano a ser construída e custou em torno de R$ 200.000 entre materiais e mão de obra!

E aí gostaram?? 



Daniela Prieto

 

fevereiro 22, 2012

BAOBÁ, Living witness to History - Parte II

Já andei contando da minha paixão aqui no blog por essa gigantesca árvore CLICK AQUI e neste Carnaval tive a oportunidade de encontrar mais um exemplar de Baobá aqui no Brasil. Dessa vez foi em Fortaleza, Ceará. 

Maior em diametro, copa e altura do que o exemplar do Rio de Janeiro (Lagoa Rodrigo de Freitas), ainda um bebê de algumas centenas de anos comparando com as africanas milenares de Madagascar e Senegal, mas igualmente encantadora e majestosa.


Vamos às imagens (fotos tiradas em Fevereiro 18, 2012):




 










Mesmo não sendo um árvore nativa brasileira, é proíbido o corte do Baobá!!


Aqui está a localização:
Praça dos Mártires, Passeio Público - Fortaleza, Ceará
Rua Dr. João Moreira x Rua Barão de Rio Branco



Começou o ano!!!

Daniela Prieto

fevereiro 17, 2012

CARNAVAL 2012

Um lindo Carnaval a todos!! 

Que ele seja proveitoso para os que escolheram descansar em casa, no campo ou na praia!! 

Que seja seguro aos que escolheram ir para folia!! 

Que seja consciente àqueles que escolheram viver um Mundo melhor!!



Ana Cristina Damasceno - http://www.moleco.com.br




Daniela Prieto


fevereiro 16, 2012

CAPPADOCIA, Turkey

Capadócia, região da Turquia que sempre mexeu com minha imaginação...eu diria que é um "projeto" maravilhoso de Deus! Lugar único, é comparado a paisagem lunar... não existe em nenhum outro lugar do planeta a paisagem como a de Capadócia!

Hoje a Capadócia abrange aproximadamente 15.000km² e possui menos de 1 milhão de habitantes. Mas já foi habitada por diversas civilizações antigas como a dos Hititas.

Suas características mais peculiares são as formações geológicas únicas, resultado da lava vulcanica e rochas calcárias esculpidas pelo vento e chuva no decorrer de milhões de anos. A característica de rocha macia facilitou que as civilizações esculpissem casas e igrejas na própria rocha.


Sabemos que esse tipo de habitação "encravada" na rocha favorece o conforto ambiental, contando com a inércia do próprio solo, protejendo os habitantes das intempéries. A 1000m de altitude, a região é de muitos constrastes climáticos: muito quente e seco no verão e muito frio com períodos de neve no inverno.

Além do conforto, esse tipo de construção promovia a segurança contra invasões inimigas. Sabe-se que existem verdadeiras cidades no subterraneo de Capadócia. Cidades em diferentes níveis de profundidades, muitas inexploradas hoje... algumas são passíveis de visitação... e é aí que entra a minha imaginação... imagino como deveria ser a vida daquelas pessoas que habitavam ali... 

Um dos passeios mais famosos é o passeio  de balão onde é possível visualizar as formações do relevo. Deve ser incrível, mas é o subterraneo que me atrai... gostaria que houvesse uma planta dessas cidades, seria fantástico não?? 

Vamos às imagens:






























Mesmo nos dias de hoje a paisagem continua mudando... o vento esculpe o relevo de Capadócia... desaparecendo formas e surgindo novas... 


Isso que eu chamo de BIOARQUITETURA, uma cidade inteira construída respeitando as características físicas daquele lugar! Perante essas paisagens acabo acreditando na possibilidade da boa convivência entre HOMEM e MÃE NATUREZA!




Ótimo Carnaval a todos! Quem sabe em um feriado desses vou desvendar os mistérios da Capadócia...




Daniela Prieto